Minha lista de blogs

terça-feira, setembro 26, 2017

Manchester by the sea

Esse filme é belíssimo.
Vale muito ser assistido e aproveitem que já está disponível na TV de assinatura.

"Lee Chandler (Casey Affleck) é forçado a retornar para sua cidade natal com o objetivo de tomar conta de seu sobrinho adolescente após o pai do rapaz, seu irmão (Kyle Chandler), falecer precocemente. 
Este retorno ficará ainda mais complicado quando Lee precisar enfrentar as razões que o fizeram ir embora e deixar sua família para trás, anos antes."

No testamento deixado pelo irmão, Lee é o responsável pelo sobrinho (Lucas Hedger) até os 18 anos.
Ele pensa em levar o sobrinho para Boston, onde trabalha como zelador, mas teria que tira-lo do meio em que o sobrinho, ainda com 16 anos, estava adaptado.
Quem dirige e escreve o roteiro é Kenneth Lonergan, de currículo cinematográfico, praticamente inexistente. 
Este é seu terceiro longa como diretor, eu li.
Não me ligo em Diretor, ainda.
Mas um dia chego ao nível do amigo Hugo (www.cinema-filmeseseriados.blogspot.com.br)
Em flashback a gente vai tomando conhecimento do que aconteceu antes na vida de Lee e vai entender o sofrimento que ele carrega pela vida.
O encontro dele com a ex-exposa (Michelle Williams) é de "cortar o coração", como disse Hugo.
Na minha opinião, todos são coadjuvantes.
Porque Casey Affleck carrega o filme nas costas.
Belíssimo filme, belíssimo cenários.
Merecido Oscar para Casey Affleck.
E como disse a querida Luli (www.cafecomleituranarede.blogspot.com.br), valeu minhas lágrimas (as dela, também). 
Teve ocasiões que eu senti como se aquela dor dele, fosse minha também.
Ele, brilhantemente, passa isso.

Liliane

18 comentários:

Pedrita disse...

anotado. beijos, pedrita

Lete disse...

Fiquei com muita vontade de ver, Lili. Deve ser mesmo lindo! E sofrido, também.
Obrigada pela sugestão, vou tentar ver. :)

Christiane Garcia disse...

Liliane, deve ser muito bom esse filme!
Por enquanto nós não vamos adotar nenhum cachorro. O Spike era um membro da família, vai demorar um tempo.E de qualquer forma é preciso tempo para educar o cachorro, então se for pegar algum só na época de férias. Bjs

redonda disse...

Este já vi, é tão triste!
Terrível e trágico o que lhe aconteceu,

um beijinho e uma boa semana

Bruxa do 203 disse...

Apesar de ser difícil de assistir, achei um ótimo filme! Adorei o Casey Affleck e o menino que faz o sobrinho.

Jane Quintela de Carvalho disse...

Oi Liliane... não assisti ainda, mas me disseram que é muito
triste... estou evitando filmes assim, quem sabe em outra época!!!
Beijosss

Luli Ap. disse...

Olá Liliane
Oooooooowwwwwmmmmm que amor vc é, citou o bloguito e eu, obrigada flor!
Eu sou apaixonada por esse filme e torci muito pelo Oscar merecido que o Casey Affleck levou
Lembro que quando assisti pensei que vc iria gostar tb, pelos diálogos realistas, pelo fato do roteiro não apelar para o melodrama, tudo é tão perfeitamente alinhavado como em um quebra cabeças e nenhuma outra peça se encaixaria tão perfeitamente quanto aquela.
Trata da morte, mas eu acho que fala da vida, da poesia de seguir em frente mas tb da poetice de não superar, e tudo isso com diálogos inteligentes.
Siiiiiiim vale todas as lágrimas!
É um filme que depois de assistir permanece conosco durante muito tempo <3
Bjssss Luli
Café com Leitura na Rede

Patricia Merella disse...

É do tipo de filme que gosto Liliane! Grata por partilhares.Beijinhos

Os olhares da Gracinha! disse...

Já vi o filme e também gostei do enredo!!!bj

alfacinha disse...

O irmão de Ben Aflick sabe representar
Abraços

Anajá Schmitz disse...

Que lindo deve ser esse filme. Vou procurar para assistir. Já sei que vou chorar muito. hahah
Bjos

Hugo disse...

É um belíssimo drama.

Isa Sá disse...

Não vi, mas vou tomar nota!


Isabel Sá
Brilhos da Moda

Ana Freire disse...

Ouvi falar muito bem desse filme, mas ainda não se proporcionou, vê-lo!
Já arranjou solução para o problema do mármore, Liliane?...
Beijinhos! Continuação de uma boa semana!
Ana

Andréa Santana disse...

Olá, Liliane!
Pela resenha é lindo mesmo, fique tentada, quero assisti-lo!
Obrigada, pela dica!

Beijinhos ♥

Fátima Oliveira disse...

Oi Liliane, ainda não assisti, na verdade tenho assistido poucos filmes ultimamente.
Se eu uso pó de café para adubar as plantas? Sim, mas só nas de chão, na horta, não costumo colocar nos vasos de suculentas, neles uso outras misturas.
Beijos.

FABIOTV disse...

Olá, tudo bem? Eu assisti ao filme no cinema e sinceramente não fui tocado....Bjs, Fabio www.tvfabio.zip.net

Pedrita disse...

é muito bonito mesmo. o irmão é responsável pelo sobrinho até os 21 anos. eu me ligo muito em diretor. verdade, mas acho que o rapaz que faz o sobrinho tb está impressionante. mencionei o seu blog na postagem do meu.