Minha lista de blogs

sexta-feira, agosto 26, 2016

Olimpíadas na Academia

I
Esse mês de agosto a Academia inventou uma Olimpíadas e eu entrei no time do Brasil.
Contrariada, porque se pudesse escolher escolheria outro país.
Mas meu professor, Diogo, era quem definia isso.
E eu, logicamente teria que ficar no time dele.
Foi feito uma pesagem para vê o percentual de gordura de cada participante.
I
Além de muscular todos os dias para ganhar pontos a gente teria que fazer outras modalidades de esportes para acumular pontos.
My foots
O chato é que no nosso grupo tem gente que se inscreveu e nunca compareceu.
Tem sempre gente assim. Descompromissada.
Cada vez que fiz aula de alguma coisa(kickboxing, por exemplo) ganhava mais pontos.

I
E além disso, era preciso, todos os dias, fotografar e colocar no Instagram.
Valia pontos.
Friends
 E no Facebook, na página oficial da Academia.
I and Eliane
Fiz o que pude.
Ou melhor, estou fazendo o que posso.
Hoje tem a pesagem e estou torcendo para que o percentual de gordura tenha diminuído.
Não acredito em grandes mudanças, porque tenho o joelho D, "quase podre" o que me limita em fazer algumas coisas.
Vamos torcer. 
Mas a França e USA estão na frente.
Liliane

terça-feira, agosto 23, 2016

Perdido em Marte (The Martian)

Matt Damon
Gravei e passei 2 dias para conseguir vê esse filme.
Perdido em Marte é um ótimo filme para quem gosta do gênero.
Não é o meu caso. Mas insisti e consegui até gostar.
Vale vê.
O filme é de Ridley Scott.
No elenco: Matt Damon, Jessica Chastain, Chiwetel Ejiofor
Perdido em Marte
"Durante uma missão a Marte, o astronauta Mark Watney (Matt Damon) é dado como morto após uma feroz tempestade e é deixado para trás por sua tripulação. 
Mas Watney sobrevive e encontra-se sem recursos e sozinho no planeta hostil. 
Apenas com suprimentos escassos, Watney deve contar com a sua criatividade, engenho e espírito para subsistir e encontrar uma maneira de sinalizar à Terra que está vivo. 
A milhões de quilômetros de distância, a NASA e uma equipe de cientistas internacionais trabalham incansavelmente para trazer ""o marciano"" de volta enquanto seus colegas de tripulação simultaneamente traçam uma ousada, se não impossível, missão de resgate. Conforme essas histórias de incrível bravura se desdobram, o mundo se une para torcer pelo retorno seguro de Watney."
O resgate não é fácil e ele espera por quase 4,5 anos, até consegui ser resgatado.
A solidão é imensa mas ele consegue criar mecanismos de sobrevivências.
O livro
As imagens são lindas mas assustadoras, para mim.
Não quero rever. Apaguei.
Liliane

segunda-feira, agosto 22, 2016

O abacaxizal

Abacaxis
Já tenho plantado, só no jardim do edifício, 32 pés de abacaxis.
Sem contar os que foram plantados no jardim da laje.

Mais abacaxis
Se vão dar, não sei.
O que sei é que vou continuar plantando.
E mais
Porque toda semana compro, no mínimo, 2 abacaxis.
E a coroa, aquele pedaço que tem as folhas espinhosas, são plantadas.
Não tenho coragem de joga-las fora.
Parece que elas me pedem para serem plantadas.
Abacaxi e alho poró
Só sei que pedindo ou não pedindo, vou continuar plantando.
Espaço, ainda tenho muito.
Mix
 
Liliane

sábado, agosto 20, 2016

O Proustiano de Osasco

Necésio Pereira
Eu gosto muito de Documentários.
Sou fã dos documentários do Eduardo Coutinho e não assisti todos, eu acho.
Mas esse "O Proustiano de Osasco" achei horrível por conta da trilha sonora que além de feia é muito alta. 
Incomoda de se ouvir as conversas do entrevistador com o Necésio(eita nome feio!).

Necésio Pereira, mora em Osasco e trabalha em São Paulo, como Telefonista . 
Gasta diariamente em torno de 4 horas de ônibus para ir e voltar do trabalho. 
Aproveita esse tempo para ler.
A gente não sabe as outras coisas que ele já leu. Ou se leu.
O Documentário mostra que Necésio faz esse percurso lendo a obra “Em Busca do Tempo Perdido”, de Marcel Proust. 
Não se sente um homem solitário e não comenta com as pessoas sobre o que lê porque acha que não vão ter interesse, nem vão entender.
Diz que não foi apaixonado por leitura, até descobrir "Em busca do tempo perdido".
O resto ficou difícil de ouvir por conta da maldita trilha sonora.
Para ele, Necésio, ler Proust é uma coisa normal.
Para mim, ainda não foi normal.
Liliane

quinta-feira, agosto 18, 2016

Onde moro

a murada do Edf. Colônia.
Eu adoro o lugar onde moro. 
Nessa imagem ai de cima, dá para se vê a lateral arredondada de parte do edifício.
O lado contrário a essa foto é a praia de Boa Viagem.
Adoro meu edifício, meu bairro e a localização dele.
Não é fácil chegar aqui porque a rua faz uma curva.
E o edifício fica na confluência de 2 ruas.
A garagem é numa rua.
A frente do edifício, em outra rua.
Mas é tudo lindo, muito lindo.
Se não fosse o povo feio, violento e mal educado, eu diria que moro num paraíso.
o edifício
E estou sindica daqui desde março/2015.
Já tinha sido síndica em 2002.
E botei para quebrar nos inadimplentes.
Agora pego um apto com dívida total de R$ 177.000,00.
Absurdo, não é? Quem deixou chegar a esse montante?
Os síndicos rabo de cabra que tivemos, anteriormente. 
Já está está sendo resolvido.
Vai ser resolvido.
Acho que sinto a "cantiga" de quem é  mau pagador.

 

Peixoto, meu malvado favorito
Esse ai da foto é meu "malvado favorito".
Gosto demais dele e de trabalhar com ele.
Peixoto e José, o zelador, são meus preferidos.
Para eles, sempre: lanches, sucos e mingau de cachorro. 
Liliane


quarta-feira, agosto 17, 2016

Segue imagens

Hoje
Hoje de manhã, quando fui caminhar, fiz essa fotografia.
Não entendo porque aparece tão escura porque quando vou caminhar o sol já nasceu faz tempo.
Mas no meu celular da Samsung, o que levo na caminhada, sai assim.
Muito lindo o amarelo do sol e o reflexo dele no mar, que estava seco.
Mar seco é o que não tem ondas e é o mais bonito para mim.
O vendedor
Geralmente paro junto a esse vendedor que tem uma grande clientela mas que não faço parte dela.
Paro junto dele, para poder fotografar me sentindo menos insegura.
Ele diz que vende cerca de 30 abacaxis por manhã.
Vende inteiro descascado ou cortado nos saquinhos.

Hoje
Hoje fotografei as frutas.
Ele trás as frutas geladas.
E é um sucesso, eu sei.
Querem abacaxi e melancia?
Vou comer quando chegar em casa.
Liliane

domingo, agosto 14, 2016

Celebridades-Woody Allen

Assisti, ontem, sábado, alguns filmes que estavam gravados.
Depois que vejo, costumo apagar para não ocupar espaço.
Apaguei um filme iraniano(acho) porque tinha sido gravado do Canal Max (na Sky do nosso quarto)e aqui, as legendas, nos canais do Max, aparecem só a primeira frase.
Como não gosto de filmes dublados, preferi "apagar".
Minha assinatura Vivo ex-GVT, que fica na cozinha, o canal Max não apresenta esse problema.
Mas, na TV da cozinha, não tenho como gravar.
Sei que perdi um bom filme.
 
Um dos que vi ontem foi o Bar Esperança, um filme nacional que agora achei horrível.
Nem consegui terminar. Apaguei.
Era um mix de atores cada um dizendo uma besteira qualquer.


Daí passei para meu IPAD que me permite assistir filmes em qualquer posição e no  OLDFLIX, um site que me associei e que tem filmes antigos e nem tão antigos, vi esse filme de 1998, do Woody Allen..



Celebridades
Kenneth Branagh e Chalise Theron
Interessante vê Charlise Theron, Julis Davis(acho que foi musa de Woody Allen), Winona Ryder e Leonardo DiCaprio, Melanie Griffith, Joe Mantegna.
Sam Rockwell, Leonardo DiCaprio e Kenneth Branagh
Fazia muito tempo que eu tinha visto esse filme.
Foi bom rever.
Liliane