Minha lista de blogs

sexta-feira, junho 22, 2018

O vazio da alma?


Desde que vi a foto (dia 13/06/2018) dessa Escultura e que a amiga Maria (Instagram: @minme.demadeira) descobriu ser de Albert Gyorgy, um escultor húngaro (será húngaro) que durmo e acordo pensando nela.
O nome: O vazio da alma? Melancolia? Solidão?
Qualquer um nome desse se encaixa nesta beleza de escultura.

Parece que ela está exposta nos arredores do lago de Genebra.
Não sei se está exposta permanentemente.

É muito linda.
É muito desesperadora.

Liliane de Paula Martins

quarta-feira, junho 20, 2018

Olha isso

Enfiador de linha em agulha de máquina

Outro modelo do enfiador.

No dia 15 de abril deste ano, fiz uma postagem comentando do inferno que tinha sido minha tentativa de costurar.
Eu gosto de costurar apesar de não ter prática e minha costura nem sempre sair muito certa.
Mas costuro e faço algumas coisinhas para minha casa.
Fiz muitas roupinhas para meus filhos quando pequenos.
Sempre digo que meu maior incentivo em cozinhar e em fazer trabalhos manuais, foi minha mãe que era realmente um zero a esquerda.
Não lembro dela acertando pregar um botão.
Mas também não lembro de se caia botões de roupas da gente.
E também não lembro de alguma comida gostosa que ela tenha feito.
Para mim ela foi "a pior cozinheira do meu mundo".
Mas minhas irmãs caçulas falam de gostosas carnes que ela fazia.
Não foi fácil para ela, minha mãe.
Fomos muitos filhos e o tempo dela devia ser mais curto que o meu.

Mas porque estou lembrando disso?
É que naquele dia que não acertei enfiar a linha na agulha da máquina e que precisei de que a vizinha viesse me ajudar, fui procurar no Google se existia alguma coisa que enfiasse linha em agulha de máquina de costura.
E achei esses 2 modelos de "enfiadores".
Salvei a imagem e hoje fui no Vuco-Vuco (Comércio popular) e encontrei esse da segunda imagem.
Comprei logo 2.
Mas só encontrei num local.
Nas outra lojas de miudezas, nem conheciam
Bom, se funcionar, se facilitar, vou comprar mais 2.
Ainda não experimentei.

O que acharam? Conheciam?

Liliane





segunda-feira, junho 18, 2018

O Café colonial e o estresse.




Sábado passado, 16 de junho, fiz um Café Colonial e convidei um amigo engenheiro, que conheço desde meu tempo de antes da Faculdade.
Depois que casei e tive filhos, encontrávamos nas festinhas de aniversários dos nossos filhos.
Mas ele sempre foi chato, 
Sempre foi inconveniente.
Eu precisava convida-lo porque uma colega dele do Curso de Engenharia (Lucila), tinha dito que ele estava precisando de encontrar pessoas amigas.
Que se sentia só. (mora só).
Trabalhou como Engenheiro em grandes Empresas. 
Em alguns cargos de confiança. 
E foi brilhante em tudo que fez.

Acreditem, comecei a passar mal umas 24 h antes do "evento".
O pior é que você fica imaginando o que vai responder quando ele falar tal coisa, qual a inconveniência que ele vai cometer.
Não teve calmante que desse jeito.

Para dividir nossa (minha) atenção, vinha também meu sobrinho Marcelo e Rebeca, que temporariamente, estão morando aqui próximo.
Foi a sorte. Foi minha sorte.
O amigo cometeu algumas inconveniências e eu, ou ignorava o que ele falava ou dava uma resposta que certamente, ele não esperava.

Mas arrumei a mesa como gosto e como sempre faço quando recebemos visitas.
Coloquei um novo Gato, guardanapos que comprei na Ikea, da Holanda.
Os PGs (porta-guardanapos) que fiz
Coloquei os presentes que ganhei as Nina (www.omeupensamentoviaja.blogspot.com).
E isso foi o lado bom da noite.


Até no WhatsApp, ele é chato e inconveniente.
Só que agora estou livre.
Estresse por causa dele não terei mais.
Liliane

quarta-feira, junho 13, 2018

Fernando Pessoa




"Não sou nada.
Nunca serei nada
Não posso querer ser nada
À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo".

Texto da Tabacaria, de Fernando Pessoa.

Eu era estudante de medicina e tinha um Professor de Patologia chamado Bezerra Coutinho.
Era muito culto.
E nas suas aulas, além de Patologia, citava trechos de escritores famosos.
Todo mundo tinha medo dele. Eu também.
Numa aula ele disse esse texto de Fernando Pessoa.
Fiquei encantada. 
Pedi que ele se possível, repetisse.
Ele não repetiu mas pediu que no final da aula falasse com ele.
Dai começou meu encanto por essa figura de aspecto sempre triste.

Fernando Pessoa hoje faria 130 anos, se não tivesse falecido em 30 de novembro de 1935.
Viveu apenas 47 anos.
Mas deu tempo de enganar com promessas de casamento, a Ophelia.

Liliane

domingo, junho 10, 2018

MPColina (Movimento de Proteção Colina)





Já faz uns anos que ajudo financeiramente o MPColina que cuida de cães para depois sejam adotados.
O local é lindo e é uma granja de uma Assistente Social (Simone) que resolveu doar para esses animais.
Vive de ajuda de pessoas, como eu.
Mensalmente, o $$ é transferido para conta deles.
Minha filha, acha que poderia ajudar com menos $$.
Mas não posso.
E nem quero.
Poucas são as pessoas que adotam animais, principalmente se estão crescidos.
O local é lindo, como se vê nas fotos.
Simone diz que as pessoas abandonam no portão do MPColina.

Enquanto tiver condição vou continuar ajudando o MPColina, a Emília com seus 11 gatos e ao Bazar dos Gatos.
Que venha $$!
Liliane





quinta-feira, junho 07, 2018

Unlocked (Conspiração terrorista)




Assisti esse filme ontem, na Netflix porque li as resenhas de Hugo (www.cinema-filmeseseriados.blogspot.com.br) e da querida Luli (www.cafecomleituranarede.blogspot.com.br) e fiquei achando que ia gostar e entender.
É uma filme de espionagem de 2017,do Diretor Michael Apted, com a Noomi Rapace, Orlando Bloom, Toni Collette, John Malkovich, Michael Douglas.
É um filme de espionagem com muita ação que envolve EUA, Reino Unido e república Tcheca.
Mas eu não entendi nada de nada.
O filme acabou e eu só entendi no final que o personagem de John Malkivich não era bandido.
E a desconhecida, para mim, Noomi Rapace, também não.
O resto passou batido.
Os bandidos nem sei porque eram bandidos.
E a Toni Collette o que era? Não sei.

Para quem gosta do gênero deve ser muito bom.
Atores demais me confundiram.
Liliane

quarta-feira, junho 06, 2018

Ataque de Tubarões

Imagens da Internete

Bandeira vermelha avisando do perigo. E gente se expondo.


Encontrei essas imagens na Internete onde mostra o cuidado que os órgãos de controle tem com os ataques de tubarões em nossas praias, lindas praias.
São várias as placas com os avisos.
Na minha caminhada no calçadão vou passando e vendo.
Mas a falta de respeito do povo é tão grande que, mesmo os Salva-Vidas mandando as pessoas saírem da água, não são obedecidos.
Neste final de semana mas uma vítima.
Na verdade só tenho pena do Tubarão.
Os pais das vítimas também, porque sofrem muito com a irresponsabilidade da vítima.
Maré cheia e água escura é sinal de perigo.
E se mete me perigo quem quer.

Liliane