Minha lista de blogs

quinta-feira, novembro 15, 2018

Alice, querida Alice


Numa cama de boneca


Alice empurrando a porta do "toalete" delas.




Minha relação com cães e gatos não é de muitos anos.
Na minha casa quando criança e adolescente não tínhamos gatos nem cachorros.
E não consigo lembrar se nessa época tinha conhecimento da existência deles nem se eles existiam.
Não lembro de ter ido brincar nas ruas, sim brinquei em ruas e calçadas, e ter visto cães ou gatos com donos ou abandonados.
Agora vejo muitos.
Agora temos  gatas, são 6 e temos a poodle Lana Cristina.
Quando a filha (Érica) resolveu fazer Veterinária foi que passei a ouvir histórias de cães doentes.
Passei a amar animais, amar de verdade, incondicionalmente quando a filha já estava formada em Veterinária.
Gosto de todos e quero acarinhar como se fosse possível.
Só não consigo me imaginar junto de cobra e de sapos, qualquer tipo de sapos.

Mas eu quero falar de Alice, a gata das fotos.
Vejam as poses que ela faz. Nem dá para registrar tudo.
E como encontrei Alice?
Fui fazer a revisão de meu carro na Concessionária e vi uma gatinha pequena.
Como tenho dentro do carro, ração para gatos, fui alimenta-la enquanto esperava o carro.
Daí me apaixonei e já trouxe para casa, a minha Alice.
Cresceu aqui.
É um encanto de gata. 
Vive na área de serviço e no quarto das serviçais.
Quem vem na minha casa nem sabe que temos 06, sim são 06 gatas.
Elas não circulam pela casa.
Sempre soube que os gatos se apegam ao ambiente e não ao dono.
Aqui sempre acho que elas me amam.
Liliane

16 comentários:

Pedrita disse...

estão lindas as fotos. a cara de sapeca lembra a esmeralda aprontando. ah, esmeralda é um grude comigo. acorda e vai miando me procurando pela casa. aqui a casa é dela. e ela deixa eu usar um pouco. beijos, pedrita

Lete disse...

Essa gatinha é linda demais! É um amor, sente-se só de ver. Percebe-se a doçura que emana do seu olhar. :) Adoro gatinhos e cães, mas não tenho nenhum, embora tenha crescido numa casa de campo "rodeada" de animais. Atualmente não tenho espaço. Além disso, teria de gastar muito tempo para cuidar de um animal, tempo esse que preciso para outros afazeres.:)
Adorei as fotos, revelam todo o seu amor e o seu zelo pelos lindos bichanos! Parabéns, amiga!

Os olhares da Gracinha! disse...

Ela está crescidinha e linda!!! Bj

Larissa Santos disse...

Áh que riqueza de gatinho :))

Do nosso amigo Gil António, com: Teu beijo, na Luz, de outra Vida

Bjos
Votos de uma óptima Noite.

Rejane Tazza disse...

Adorei as fotos em vários momentos de poses ,adorei! beijos,tudo de bom,chica

O meu pensamento viaja disse...

Suas gatinhas são lindas. Eu não tenho animais em casa, tirando a Nux , minha neta, uma cadela maravilhosa que a minha filha resgatou de um canil. Adoro a Nux e digo que ela é minha neta. Ela adora vir cá a casa porquês sempre estrago a sua dieta -sou a avó - e dou carne e petiscos, nada de ração.
Não quero ter animais porque como saio muito, seria um problema complicado.

Minha alergia melhorou muito masainda não passou. Agora uso luvas para tricotar.

O doce maravilhoso que me enviou tem sido muito bem gerido, mas está quase acabando.

Beijo

alfacinha disse...

Uma gatinha perfeita e tão linda parece com a mancha negra família do Zorro
bjos

Andréa Santana disse...

Os gatos são seres encantadores, a Alice é muito fofa!
A sua filha tem uma linda profissão, salvar vidas é dádiva.
Amei as fotos e saber sobre os gatos!

Beijinhos, ótimo fim de semana ♥

Luli Ap disse...

Olá Lilianeeee
Que linda a Alice!
E como ela é charmosa.
Acho muito amorzinhooooo as fotos que você escolheu.
É incrível como os animaizinhos acabam por nos conquistar 😍😍
Sempre tive contato com cães, mas a Ágata só chegou em 2014, quando perdi meu pastor alsaciano. Ela fazia tanta gracinha e fofurice que acabei por adotar a bichana, e agora ela é um grande amor.
Fica num quartinho de despensa durante o dia e a noite quando chego deixo ela dar dar uma voltinha dentro de casa.
A propósito ela manda dizer que amou o tapete fofooooo que vc enviou, já tirei foto logo faço o post.
Estou atrasada com o bloguito por causa das provas finais, não tenho nenhum post programado e os do note preciso editar :(
Bjs Luli
https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

Nal Pontes disse...

Que linda a sua Alice. Dá pra ver o qto é querida. Sorte tem ela e os outros animais de tê-lá encontrado. Bonito é ter carinho e cuidar bem dos bichinhos
Parabéns. Bjs Bom inicio de semana

Montana disse...

Uma gatinha muito bonita e com um olhar muito dócil.
Ás vezes tenho cá em a casa a Cacau que é a gata da Sara. Também é uma gata meiga e que dá pouco trabalho. A parte chata é que ela gosta de ir para a varanda e depois saltar para o toldo da varanda do vizinho do r/c. Por isso tenho de estar de porta fechada o que no verão não é muito agradável.
Beijinhos.

O meu pensamento viaja disse...

Liliane querida, vou procurar fotografias da Nux - essa Lady! Porta-se sempre muito bem. É uma senhora. Nós adoramos a Nux. Ontem foi o aniversário dela. A veterinária calcula que tenha já 13 anos.
Beijo

Os olhares da Gracinha! disse...

Só agora me apercebi que o comentário anterior era para outra bela gata por isso vamos à sua postagem Liliane !
Adorei as fotos cheias de charme da Alice!
Nunca tive gatos mas como meus vizinhos têm...por aqui vejo sempre muitos!
...
Leiria é a cidade da Lete e fica a uma hora de carro da cidade de COIMBRA!
...
As estradas são boas e podemos ir de manhã e regressar à noite!
...
Quando faço mais de 200km...então durmo e regresso no dia seguinte!!!
Bj

Jane Quintela de Carvalho disse...

Oi Liliane... que linda que é a Alice, e esperta também!!!
Beijosss

Debora disse...

Ah, Liliane! Eu sempre ouvi essa história que os gatos não se apegam ao dono e eu acreditava muito nisso até adotar o Oliver. Hoje digo que com certeza não é verdade.

O Oliver também não circula pela casa: é da área de serviço para o quintal, e só. Mas, durante o dia, quando ele está calminho, deixo ele tirar cochilos nas varandas. Ele gosta olhar tudo do alto.

Agora... 06 gatos??? como vc consegue? Aqui só tem um e eu às vezes enlouqueço com ele. Já castrei mas ele continua "rueiro". Já coloquei grade pra ele não conseguir sair à noite, mas ele sai sempre que ele não consegue a atenção que quer (ainda estou tentando descobrir por onde, mas volta correndo se a gente chama ele lá no portão). E depois de um ano aqui começou a cismar de subir no carro, deixando riscos na pintura. Esse novo hábito, em especial, tem me tirado do sério.

De qualquer maneira, acompanho há bastante tempo a sua relação com esses animais de rua e acho surpreendente o carinho que você dá a eles. Parabéns!

Ana Freire disse...

Uma ternurinha! Adoro gatos... e a sua personalidade independente...
Adorei as imagens!... E saber que a Liliane, proporciona uma vida feliz, a tantos bichinhos... certamente cada um, com uma história bem particular e enternecedora... para terem sido adoptados...
Beijinhos! Feliz fim de semana!
Ana