Minha lista de blogs

sexta-feira, julho 09, 2010

E agora José?

A morte de José Saramago no mês passado me fez conhecer algumas coisas dele e me fez enxergar algumas coisas da literatura dele que para mim sempre foi difícil, chata e complicada. Tantos foram as coisas lidas na imprensa escrita e na internete que me senti culpada, até envergonhada por não admira-lo, por não entende-lo.

Só tentei ler 2 dos livros dele. São eles: "O evangelho 2º Jesus Cristo" e "Ensaio sobre a cegueira". Não consegui termina-los. Complicado demais para mim, sei lá. Das coisas que li pela internete me marcou muito o amor pela mulher. E foi dele essa declaração de amor, ímpar. "A Pilar, minha casa".
"A Pilar, os dias todos."
" A Pilar, até o último instante."
"Aos 63 anos de idade o que um homem pode ainda esperar da vida? Não muito" E aí apareceu Pilar.


As recordações dos avós maternos(Josefa e Jerónimo) parecem te-lo acompanhado pela vida. "Tentei não fazer nada na vida que me envergonhasse a criança que fui."
"Se tens um coração de ferro, bom proveito. O meu fizeram-no de carne e sangra todo dia".
O meu também.
Liliane

6 comentários:

Rosmarino, tempero e destemperos disse...

Liliane querida,
que lindo este teu desabrochar para este homem e a sua obra. Somos todos iguais, sempre desabrochando, descobrindo.
Não tem que se envergonhar.´Chegou o teu momento de conhecer isto e basta!
beijos

Rosmarino, tempero e destemperos disse...

Que design você quer?
Envia em e-mail que se eu souber te explico.
isa.calhetas@gmail.com

Tina disse...

Tenho o mesmo sentimento com respeito ao grande José Saramago e suas obras.
Meu filho mais velho é grande admirador de suas obras, e dele também lógico, tem vários livros,que para mim sempre foram complicados.Ele me disse:
Prá que ficar se culpando pelo passado? As obras dele continuam vivas, e ele tambem em nossa memória...aproveite bem.
É isso aí...
beijin
Tina (Sonhar e Realizar)

Francy disse...

Que lindo despertar para Saramago... ele foi sempre incompreendido pela sua escrita, mas muito admirado fora da terra dele, mas agora, ele será lembrado para sempre como o único escritor de língua portuguesa que levou o NOBEL....
Teu blog só precisa de ajustes...
bs,

Yoyo disse...

Tudo vem a seu tempo, Paulinha. Sua vez com Saramago só chegou agora e ninguém pode julgá-la por isso.
Ele teve mesmo uma linda história de amor com Pilar.
Bjo no core

Ana Maria Braga disse...

Oi, Liliane, passando por aqui e te deixando um beijo.